SGU

O Que Fazemos

A Unidade do Ambiente tem como competência a gestão e exploração das infraestruturas de abastecimento de água para consumo humano e a drenagem da água residual urbanas (esgotos) no município de Vila Real de Santo António, sendo as suas atribuições regidas pelos regulamentos nº 244/2012 de 2 de Julho e nº 239/2012 de 27 de Junho, respetivamente para a Distribuição de Água e para a Drenagem de Água Residual Urbana, e tem como base legal o Decreto-Lei nº 306/2007 de 27 de Agosto. 

Toda a atividade da Unidade Ambiente, técnica e económica, é monitorizada e auditada anualmente pela entidade reguladora nacional ERSAR.

A Unidade Ambiente detém sob a sua gestão as estruturas e infra-estruturas que compõem as redes de água e de saneamento, bem como os meios técnicos e humanos para desempenhar as funções que lhe estão atribuídas, nomeadamente:

 

✔ 203Km de condutas de água

✔ 20.000 contadores instalados

✔ 16.000 clientes

✔ 168Km de colectores de esgoto

✔ 4 Reservatórios de água com um total de 4500m³ de capacidade (Sta. Rita, Ribeira da Gafa, Corte Ant. Martins e Monterei) + 3 em construção (Sta. Rita-novo, Monte Gordo e Vila R.S.António)

✔ 2 Centrais de recloragem / qualidade da água

✔ 24 Centrais de bombagem de esgotos + 7 em construção

✔ 3 Edifícios destinados aos serviços de manutenção: Estaleiro, Base e Armazém de materiais.

✔ 3 Lojas da água (uma por freguesia)

 

Consulte o Cadastro:

Rede de Abastecimento de Água do Concelho

Rede de Águas Residuais do Concelho

 

No contexto específico das funções de cada Direção:

✔ Os serviços económicos  e  comerciais da Unidade Ambiente têm como principais funções a gestão de todo o relacionamento com os utentes dos serviços e a definição da política comercial, nomeadamente:  gestão de pedidos de serviços, contratualização de serviços, divulgação de informação, gestão das contas dos clientes e faturação.

✔ Os serviços operacionais estão organizados através do Subsector Abastecimento de Água e do Subsector Água Residual Doméstica, a descriminar:

 

  • Subsector Abastecimento de Água

 

No âmbito das suas competências, os serviços de água verificam e controlam periodicamente a qualidade da água fornecida à população, bem como, executam todas as ações de ampliação e manutenção da rede de abastecimento de água, nomeadamente:

  • Abastecimento, pressão e monotorização da qualidade da água;
  • Construção, conservação e remodelação de reservatórios, redes e ramais de água;
  • Construção e remodelação das caixas de ramal junto às habitações;
  • Manutenção de bombas de pressão e centrais de cloragem;
  • Reparação das roturas.

 

  • Subsector Água Residual Doméstica:

 

Os serviços de saneamento zelam pela drenagem do fluxo de esgotos, desde os ramais que ligam as habitações até à sua constante da rede água verificam e controlam periodicamente a qualidade da água fornecida à população, bem como, executam todas as acções de ampliação e manutenção da rede de abastecimento de água, nomeadamente:

 

  • Desobstrução, limpeza e conservação de colectores;
  • Manutenção diária preventiva e interventiva das Estações Elevatórias que compõem o sistema de drenagem de esgotos do município, num total de 27 grupos de bombagem;
  • Instalação e manutenção de contadores;
  • Reparação e conservação das caixas e tampas de “esgoto”;
  • Todos os trabalhos necessários ao isolamento das redes de saneamento em relação às redes pluviais (água da chuva).

 

Por outro lado e não menos importante, acrescem todos os trabalhos de ampliação ou melhoria das redes de água e/ou saneamento, seja através da construção de novas condutas, seja através de novos reservatórios ou centrais de bombagem. Esse tipo de obra, dada a sua complexidade, é executada através de contratação pública e a equipa técnica/fiscal envolvida é constituído por colaboradores da Fiscalização – Unidade do Território.

A Unidade ambiente é assim a responsável máxima pelas pequenas e grandes obras de abastecimento de água e saneamento, e responde por elas técnica e financeiramente.

mySGU